Logo à noite, em Balasar, na Póvoa de Varzim, sai a procissão de velas inserida no programa de celebrações alusivas a passagem do 62.º aniversário da morte da beata Alexandrina Maria da Costa. Este ano a festa litúrgica tem como tema “Como Alexandrina, despertar a esperança” e a saída procissão desta quinta-feira está agendada para as 9 da noite.  Mas será amanhã, o dia exato da morte da “Santinha de Balasar” (como é designada por muitos fiéis), que ocorrem as principais cerimónias, nomeadamente a Eucaristia dos Doentes que será celebrada às 10h30 pelo Arcebispo-Primaz de Braga, D. Jorge Ortiga.

PARTILHAR